Material para desenho: o que comprar?

2

Material para desenho: o que comprar?

Quem está começando agora e tem dúvidas sobre qual material para desenho comprar deve conhecer nossas sugestões. Além das técnicas para desenhar e sua criatividade em prática, um bom desenhista, profissional ou por hobby, precisa de produtos de qualidade e que atendam às necessidades.

Dos primeiros rabiscos na infância aos trabalhos mais complexos, a escolha desse tipo de material artístico também evolui com o seu desempenho. No começo, apesar de tentador, você não precisa comprar todos de uma vez.

Com o progresso do aprendizado e desejo por explorar novos caminhos, você encontrará opções das mais variadas marcas e preços. Veja, então, essas dicas!

Lápis e lapiseira

Talvez, essa seja a maior variedade de produtos que você vai encontrar. Com diferentes graduações de grafite e possibilidades, do esboço ao sombreamento em outros detalhes, o lápis é a ferramenta essencial para todo desenhista. A sugestão é começar por um HB (dureza média) e ir acrescentando outros mais macios (2B ou 4B). 

A lapiseira é a alternativa para economizar tempo ao não ter que ficar apontando, sendo recarregada com esses mesmos grafites, e para acrescentar cores, confira essas 5 dicas para escolher o lápis de cor ideal .

Caneta

Há quem prefira finalizar ou desenhar utilizando canetas, e quem também prefira superfícies diferentes do papel como vidro, paredes ou mesmo objetos. A dica aqui é verificar se a caneta pode ser utilizada nessas bases, sem risco de borrar o desenho ou estragar o seu material.

Mais comuns para caligrafia artística, as com tinta nanquim também podem ser utilizadas para criar desenhos e efeitos interessantes. A caneta POSCA, por sua vez, possui tinta com base de água e pode ser utilizada para preenchimento de desenhos, de acordo com o formato da ponta de cada modelo.

Borracha

Item que acompanha o uso do lápis, a borracha não pode faltar para correções, seja apagando totalmente ou suavizando o traço. O ideal é que elas não borrem, sujem ou rasguem as folhas e, neste caso, as mais recomendadas são as limpa-tipos, pois absorvem o grafite.

Existem ainda as borrachas brancas, mais rígidas, com plástico na composição e custo menor, e outros formatos como o lápis e a caneta borracha, ou ainda a borracha elétrica, um bom investimento para os profissionais.

Papéis

Existem dois tipos de avaliações básicas que você deve fazer ao escolher o melhor tipo de papel para desenho: a gramatura e a textura da superfície, de acordo com desenho que você deseja fazer, técnico ou artístico. O mais comum, desses que a gente usa na escola, é o papel sulfite, com uma boa absorção dos pigmentos devido a gramatura média (90g/m²). Para desenhos onde você vai utilizar tintas, o recomendado são os de gramatura maior como o Papel Canson. Você pode encontrar os formatos de bloco, rolos ou folhas avulsas.

Estojo

Não podemos finalizar este mini-guia sobre material para desenho sem falar da importância de ter onde armazená-los corretamente. Isso conta muito para manter a qualidade e durabilidade dos seus itens. Nesse ponto, os estojos são uma maneira de guardar lápis, canetas, borrachas e os demais materiais com segurança para evitar, por exemplo, que se quebrem ou se percam com facilidade. Existe a opção de adquirir alguns desses materiais em conjunto. 

Ainda em dúvidas sobre o que comprar? Veja este outro artigo sobre como montar um kit de desenho completo.

Deixe um comentário